6 de novembro de 2008

Nossa comida como primeira papinha?

Às vezes o simples afazer, da introdução, da primeira papinha, não é tão simples como pensamos.

Aqui em casa o Ben chegou aos 6 meses, e iniciar as primeiras papinhas foi um verdadeiro desafio. Até eu descobrir que ele gostava e queria era a comida de gente grande, foram potes e mais potes de papinhas compradas.

Uma sopinha de milho do Saizeria por exemplo, se deixasse ia toda para ele!

Mas e a preocupação com o tempero demais? Com o paladar mais forte?
Eis um produto no Japão que pode ajudar mamães com o mesmo problema:



Uma caixinha vêm com 3 sabores, tem até um, que é estilo molho branco, para as refeições de molho branco que fazemos.
Cada saquinho você irá colocar em 2 colheres, de sopa, de água (leite ou qualquer caldo da preferência da mamãe), misturar e depois acrescentar em mais ou menos 4 colheres, de sopa, da comida da gente (adultos).
Isto para que nossa comida fique com tempero mais leve para o bebê.

Será uma opção a mais para as mamães que não estão conseguindo introduzir a primeira papinha para o bebê!

No meu caso, foi somente no começo mesmo. O Ben já está papando a comidinha que preparo para ele batida no liquidificador.
Mas este produto foi ótimo para colocar, por exemplo, nas sopinhas que eu fazia para mim e maridão, e ele queria. E também na introdução de sabores diferentes.
Eu esmagava rapidinho 4 colheres do que estava comendo e já acrescentava as 2 colheres com o caldinho do sabor desejado.

Realmente ajudou e ele comia muito bem!

7 comentários:

irradiandoluz disse...

A Nara Rosa está agora com 5 meses. Estamos começando a introduzir algumas frutas na alimetnação dela, mas isso está ocorrendo de forma muito natural e espontânea.
Começou com banana. A gente estava comendo umas bananas e ela queria pegar. A Re, minha mulher, deixou ela pegar a banana, e ela colocou na boca e ficou mamando e "mordendo" com a gengiva.
Agora ela é fissurada em banana, fica brava se a gente tira a banana dela...
Aconteceu o mesmo com mexerica, jaboticaba...
A criança quer o que a gente come...
Por isso, basta nos preocuparmos com a nossa alimentação e comermos coisas saudáveis que o resto flui naturalmente...

Um abração
Gabriel Dread

Stefany disse...

ai meu baby nw come minha comida de jeito nenhum,jah tentei de tudo....srsrsrs..eu usava esse ai ,mas sem chance...agr soh compro papinha pronta e dou para ele...ele come tudo e ainda pede mais...sei que nw eh a mesma coisa,mas minha comida ele nw come nem morrendo de fome....

╰☆╮F®ÅNciєℓyღ εїз* disse...

Obrigada pelos coments gentem!
Vou responder os 2 comentários relacionadíssimos com minha vida!
Gabriel, vc está certíssimo! Exatamente por isso posso dar minha comida para meu bb, pois aqui em casa além de vegetarianos (muita fruta e verdura) mesclo muito o integral com o não integral exatamente para buscar o ideal na alimentação saudável!
E Stefany, é verdade, a papinha pronta é muito saborosa e muito fácil de eles aceitarem!
Para todos os casos, a paciência em primeiro lugar, se alimentar bem é importantíssimo!
Por isso fiz a propaganda do caldinho, pois ter alguma coisa saudável para esmagar é sempre fácil o problema é ter o adicionador, algum caldinho saboroso...
Mas refogar cebola e alho moídos no azeite de oliva e pouquinho de sal, não tem erro. Fica perfeito para tudo e eles gostam muito do sabor!
Cozer os alimentos ao vapor e oferecer tudo que eles têm direito, todas as frutas, grãos, vegetais, etc...
Tudo o mais natural possível, e água, muita água!
É isto!
Bjão a todos os comentaristas! hehe
E continuem, sua opinião nos ajuda a crescer! Sempre!

irradiandoluz disse...

Muito legal!
Lá em casa tb somos vegetarianos, e desde que a Nara nasceu, nossa alimentação passou a ser quase completamente orgânica...

Abração
Gabriel Dread

andrea disse...

Olá estou com uma dúvida, hj comecei a dar a papinha, por enqto estou dando aquelas de vidrinho até ela se adaptar melhor, queria saber qual a qtidade q se pode oferecer agora essa semana que é a iniciação, tipo hj eu dei uma colher de sopa +-, e se alguém tem receitas de papinhas ou sopinhas com verduras frescas obrigada

╰☆╮F®ÅNciєℓyღ εїз* disse...

Oi Andrea,
para dar papinha para o bebê não tem segredo!
Você precisa fazer assim: Rale cebola e alho, frite no azeite de oliva e coloque uma pitadinha de sal... todo dia você misturará 3 sabores à esse molhinho... por exemplo, cenoura, repolho e batata... prefira cozinhá-los sempre a vapor!
***
A cada refeição é preciso mudar de cores (alimentos), o que significa que o bebê sempre receberá todas as vitaminas necessárias!
***
Quando digo somente 3, seria o mais fácil e não esgota a mamãe com culinária e preocupações!
Se a cada dia você escolher 3 cores diferentes, vai estar garantida a saúde de seu bebê!
***
A cebola e alho deve ser rotina, bem como o feijão ser utilizado pelo menos 3 vezes na semana, pois eles são para a saúde da criança e também para acostumá-la no sabor dos temperos!
***
Se o bebê ainda não tem dentes, a mamãe bate no liquidificador, mas não esqueça de ficar de olho nisto, pois a criança que não aprende a mastigar, se engasga a toa!
Após 2 dentinhos, vc esmaga no garfo e após 2 dentinhos mas com cocô muito mole, vc já pode quase nem esmagar (inteiro mesmo mas em pequeníssimos pedaços), depende de cada criança também!
***
Batata doce e alface também devem ser utilizados (contar com eles tbm), vc não pode esquecer de nada, se quiser que seu bebê goste de tudo, e tenha costume por um tudo. É muito saudavél! Crianças que experimentaram de um tudo, não passam por diversos problemas futuros com relação a saúde!
Pode bater tudo junto no liquidificador, pode misturar para comer!
***
Após 6 meses vc poderá dar de comer, para experimentar, mas vai descobrir que seu filho precisa comer, qndo perceber que ele precisa de complemento. Mas ainda a tarde e a noite entrará o leitinho, que deverá ser o seu mama (leite materno) até ele não querer mais, ou somente demonstrar que só lanchinho já basta!
***
Eu desaconselho dar mel (é perigoso para criança até 2 anos), carne (foi constado mercúrio demais nos frutos do mar do Japão e carne de outros contém muitos antibióticos) e leite de vaca (é nojento o jeito da tiragem, tem sangue e tudo o mais) para as crianças e até para adultos, mas em compesação não sou contra os queijos que são extremamente rigorosos para serem feitos, especialmente o qnto mais branco!
***
Papinha pronta se puder fugir!
O ideal é sempre caseiro e orgânico!
Com muitas frutas, vegetais e no caso o queijo, seu bebê já terá uma alimentação mais que rica e perfeita!
***
Chocolate foi comprovado só fazer bem para a humanidade então aconselho aos pais não serem tão rigorosos, não livrarem seus filhos dos chocolates (depois que ele tem idade para comer) mas acostumem seus filhos desde pequenos a comerem somente os meio-amargos! Cacau 70%...essas coisas...
Isso só trará o melhor para todos!
***
bjão da Fran

╰☆╮F®ÅNciєℓyღ εїз* disse...

Quantidade de papinhas: Na verdade é de até 80% da satisfação!
Mas para uma melhor idéia:
Ofereça uma colher de sopa de tudo, esmagado, raspado, moído... assim o bebê vai tomando o sabor de todos os alimentos!
Conforme passar um tempinho, você verá que o bebê já come razoavelmente bem, então prepare um potinho com mais ou menos 3 a 4 colheres (sopa) bem cheia...
Depois de um bom tempo a criança já demostra o qnto quer comer, costuma recusar de alguma forma!
***
Existem muitas vezes que o meu filho começou a comer e já não quis mais... nem por isto forçei... sempre tento mais tarde!
***
É preciso fazer um balanço, tem dia que a criança não quer quase nada, então você oferece frutas ou até mesmo vegetais em suco, que raramente ela recusará e se compensará nas vitaminas!
***
Criança com fome reclama e come muito bem depois! hehe
***
Criança de barriguinha muito cheia, não tende a dormir muito bem... o leitinho do peito como complemento para encher a barriguinha, é melhor coisa! Depois que elas já falam daí tudo facilita! hehe
***
bjokas

Postar um comentário

Obrigada por contribuir com seu comentário!
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
Se você tiver alguma pergunta pertinente ao tema do post é mais rápido e fácil ligar para 080-51427945(Japão).
Estamos dispostas a ajudar no que for preciso!