8 de dezembro de 2008

Ouça seu coração de mãe sempre!

por Rosana Oshiro


Não me esqueço do dia em que cheguei em casa, com minha primeira nenê no colo, morrendo de dor por causa do corte da cesárea, esperando receber uma comitiva de boas vindas e ao invés disso, quando fui trocar minha filha pela primeira vez, escutei: não é assim que se faz, você está fazendo errado...
EU QUIS MORRER!!!


Tenho certeza que toda mulher que se tornou mãe já passou por isso, em maior ou menor grau, e sabe do que estou falando.

Eu não quero aqui dizer, que não existam pessoas de boa fé que realmente queiram ajudar na hora que veêm uma mãe de primeira viagem cuidando de um bebê que chora desesperadamente, mas eu acredito que quem está disposto a ajudar mesmo, tem cuidado ao SUGERIR alguma coisa.

Antes de me tornar mãe, eu li muito sobre psicologia infantil, como acalmar o bebê, como dar banho, amamentar, decoração de quarto, lembrancinhas, enxoval, etc, etc, etc, (infelizmente li pouco sobre parto humanizado e achei que estava fora do meu alcance) e me arrependo de ter feito algumas escolhas a outras, mas de uma escolha não me arrependo nunca: OUVIR MEU CORAÇÃO DE MÃE PARA TOMAR DECISÕES.

Tem gente que não quer cama compartilhada para não acostumar mal o bebê, tem gente que acha que dar colo demais estraga o bebê, tem gente que diz que se ta chorando demais é porque seu leite não sustenta, ou precisa de "luftal" porque o bebê está com colica, ou precisa de "nenedente" porque a gengiva está coçando.

Eu deixo a pessoa falar, tento ser educada, e no final digo: eu acho melhor ouvir meu coração, suprir a necessidade do meu bebê e seguir meu instinto, porque assim eu nunca vou me arrepender.

Não me conformo em ver as pessoas passarem pela vida sem se questionar, sem saber o porque de suas decisões e seguirem vivendo nos "padrões da sociedade". Vivem a vida correndo, sem ao menos perguntar-se o porque estão "seguindo a vida" daquele jeito.
Daí eu penso, como podem as mães seguirem o que as outras fazem, dar os remédios que as outras dão, sem ler, sem pesquisar, sem estudar, o povo brasileiro é um povo tão inteligente! Porque não usam sua capacidade de mudar, renovar, crescer conscientemente?

Eu sei que aqui no Japão a vida é corrida, as mães não tem muito tempo para os filhos por causa do trabalho, mas negar-lhes amor e colo para não deixar "mal-acostumado"???
Negar-lhes a amamentação exclusiva porque tem que voltar a trabalhar logo??? Será que era a hora mesmo de se tornar mãe?

Acho que quando a gente se torna mãe, não dá para simplesmente seguir a "onda", fazer o que todo mundo faz, sem pesquisar, ler, se qustionar e ouvir o que te diz o coração.

Errar é humano, permanecer no erro nem tanto...
Já fiz muita coisa na vida e na maternidade, das quais me arrependo, só não me arrependo das coisas que fiz ouvindo, primeiro, o Meu coração.

Siga seu instinto materno!
Ouça seu coração de mãe, dê amor, de colo, de carinho ao seu filho! Você nunca vai se arrepender disso, mas se não fizer, pode ter motivo para se arrepender...

beijos maternos! = )

7 comentários:

Fanynha disse...

Ahhhhh Ro ,vc nw poderia ter dito melhor,reallmente tem sempre um pra te dizer que desse jeito nw esta certo!!Q nw eh assim que troca fralda,que da mama,que seu leite eh fraco,que seu leite nw sustenta,q eh assim que eh assado....eh terrivel...mas realmente seguuir o coração eh o melhor caminho...

╰☆╮F®ÅNciєℓyღ εїз* disse...

Flooooor, este post ficou DEMAIS!
***
Olha, na minha opinião o que acontece é que as pessoas não pensam antes de falar mesmo... pq se todos pensassem 3x antes de falar, ou ia preferir ficar de boca fechada ou ia preferir não falar (=ficar de boca fechada mesmo, hehe).
Eu realmente acho que mesmo morrendo de raiva e coçeira, a pessoa tem que ver e ficar quieta, seja a cena que for!
Se a mãe pergunta a sua opinião, aproveita e desabafa tudo mas se ela nunca te pergunta então nunca fale, pô! rsss
***
A verdade é nenhuma opinião forçada NUNCA vai ajudar! NUNCA!
Pois TODA mãe precisa do dia dela! Do dia que vai "cair a ficha" SOZINHA!
***
Alguém perguntou?
Aaaaa então fica quieta!
***
Se a mãe quisesse saber como fazer, ela ia te perguntar antes de fazer, né não?!
***
Nossa, hj eu tô de mal humorada!
huahauhauahuahauhaua

Aika disse...

Eh verdade e assino embaixo.Infelizmente na maternidade isso se agrava.No inicio perguntam qual o sexo?ai vem os palpites sobre sua barriga ta com cara de menina,sua pele ta bonita,deve ser menino...
Depois vem as crendices sobre comida e exercicios:vc nao pode comer isso,nao pode varrer,nao pode isso,pode aquilo...
Depois comecam a te questionar sobre a data do nascimento:nasceu??Nao nasceu??
Depois vem as dicas sobre amamentacao,simpatias pra isso,cha disso,mamadeira pra aquilo...eh muita enchecao de saco!!!!
To comecando a achar que vc nao pode apenas se tornar uma "maezinha",tem que se tornar uma mae-leoa-LOUCA!!!!!!!huahuahuahua

thais disse...

Uh, falou tudo!!!!!
Eu tb acho que se não vai poder amamentar, se não pode pagar o médico (ou a parteira) e não quer sus, se tem medo de dar banho e vai deixar isso pra babá, então não é a hora de se ter filho! auhauahauhaua

adorei, amore. Acho que foi seu melhor post. Devia mandar pro mamíferas.

Beijo

Keila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Keila disse...

Keila disse... Disse tudo,c meu primeiro filho sofri muito c os palpites da minha EX SOGRA,tinha q ouvir q meu leite era fraco ,fazia cha e me fazia dar p o meu filho porque dizia q ele tinha colica,e dps ate mingau de maizena ...fora as garrafadas,biotonico,remedio p verme,MEU DEUS OBRIGADA POR ME LIVRAR DAQUELA BRUXA!!!!AFF
Desculpem o desabafo,e'q hj lembro do tanto de leite q tinha e ela me fazia complementar c mamadeira!!!fora essas coisas q citei...
Hoje c meu bebe de 2 meses,e'tudo diferente ,amamento exclusivamente e desde a gravidez pesquisei MUITO..INCLUSIVE AQUI NO MATERNA,E APROVEITANTO GOSTARIA DE DIZER Q ADMIRO MUITO VC ROSANA ,UMA SUPER MAE DE 4 FILHOS E QUE AINDA AJUDA TANTAS MAES COMO EU...BJS .

Rosana Oshiro disse...

Meninas, obrigada pelos comentários!
É tão dificil a maternidade, mas é tão gostosa também...
Porque as mulheres não aproveitam essa fase que passa tão rápido ne?
Palpites também não são nada legais, o melhor que as mulheres podem fazer é se informar de forma consciente e passar adiante.
beijo a todas

Postar um comentário

Obrigada por contribuir com seu comentário!
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
Se você tiver alguma pergunta pertinente ao tema do post é mais rápido e fácil ligar para 080-51427945(Japão).
Estamos dispostas a ajudar no que for preciso!