1 de outubro de 2008

Parto normal depois de cesárea (VBAC ou PNAC)

Vou só introduzir o assunto, hoje, porque estou corrida. Mas as meninas vão complementar e eu também volto com o assunto depois.

Todo mundo tem medo de parto normal depois de cesárea, né?
Porque o útero pode romper, não?


Agora saibam que o risco de uma ruptura uterina em uma mulher normal (grávida ou não, porque acontece mesmo em não gestantes) é de 0,5%. E a porcentagem é a mesma pra mulheres com uma cesárea prévia.
O mesmíssimo.

Só que implica alguns cuidados, como por exemplo a não indução. Na verdade, pode até induzir, mas com cuidado, com doses pequenas e muita monitoração. Também não é recomendável a anestesia, porque a gente pára de sentir os sinais e porque diminui o ritmo e a intesidade das contrações, fazendo com que, talvez, seja necessária, uma indução. Também não pode manobra de Kristeller (aquela em que alguém sobe em cima da barriga da mulher e empurra), por motivos óbvios.

Eu tive dois partos normais depois de cesárea. A Rosana teve dois partos normais depois de duas cesáreas.
E mais um mundo de mulheres tiveram seus VBACs. A grande maioria, muito bem, obrigada.

Por que os médicos têm tanto medo disso?

8 comentários:

Rosana Oshiro disse...

Acho que o trabalho dos médicos já é tão grande ne?
Vão ficar correndo riscos de 0,5%???
Daí entra a cesárea salvadora!!!
Quanta desculpa esfarrapada para não ter trabalho... arghhhh!

Marisa Tiyoko disse...

Olá meninas, meu filho tem 1 mes, e meu marido ja fica brincando falando q quer fazer outro, tbm quero, mas como meu parto foi cesarea, eu quero fazer meu segundo parto natural, e quero começar a planejar isso desde já! Queria saber se tem tempo p esperar p poder fazer um parto natural depois da cesarea? Aqui no Japão acho q os medicos vão ter medo d fazer um PN depois de cesarea, por isso gostaria d saber...

╰☆╮F®ÅNciєℓyღ εїз* disse...

Oi Marisa, é a primeira vez por aqui?
Seja Bem-vinda sempre!
***
É normal quando o primeiro bebê chega, a gente ficar doida de tanto amor e logo querer outro!
Mas a verdade é que somente depois dos 6 meses vc vai ver o que é ter trabalho com o seu bebê! hehe
É uma fase que não conseguimos fazer nada nada! É uma delícia mas é muuuito cansativo!
***
Se vc engravidar já de novo vai passar o final da gravidez com 2 exigências, a da fase de correria, pelo crescimento do primeiro, e a da fase do extremo cansaço pelo barrigão e crescimento do segundo!
Creio que vc vai ficar bem cansada!
***
Se vc engravidar qndo seu bb tiver mais ou menos 10 meses é uma fase boa!
E é certeza que vc poderá ter normal (se tiver uma gravidez saudável e acompanhada) e ainda poderá ter em casa, como fez a Ro!
***
Eu tive uma cesárea tbm, apesar de ter sido humanizada e muito boa!
Nunca mais entrarei na faca (eu espero)!! hehe
Terei em casa, me esforçarei!
Mas ainda não sei qndo vai ser! hehe
***
Algumas mulheres não conseguem engravidar tão cedo, mesmo tentando muito no começo, pois o hormônio da amamentação não deixa! Isso pode levar uns 6 meses ou mais em alguns casos! O que é uma época um pouco melhor!
***
Algumas mulheres conseguem e dão muito bem conta do "recado", dos 2 bebês!
Enfim, tudo depende do querer e da natureza de cada mulher!
***
Mas para todos os casos, o melhor é sempre seguir o coração!
E decidindo o que decidir, terá todo nosso apoio!
Quem sabe a Ro já está formada para te doular no seu segundo parto, hein?!
Um parto lindo e natural, que tal? hehe
***
Acho que é isto!
Bjs
Fran

thais disse...

Marisa e Fran, acho que a coisa aqui é complicada. A Rô mesma disse que os médicos aqui têm medo de um VBAC porque eles têm muito medo dos processos. Acho que um VBAC, só se a mulher chegasse com o bebê já nascendo. Nem as parteiras queriam acompanhar!

Sobre o tempo entre partos seguro, bom, isso não existe. Sempre é recomendável e mais seguro um parto normal. Mas os médicos usam essa desculpa para fazer mais uma cesárea salvadora.

Se a dúvida foi sobre cuidar de bebê grávida, bom.... Aí eu acho que eu nunca mais engravidaria. É sempre difícil cuidar de uma criança grávida. Mas é uma delícia.

Beijo,

Marisa Tiyoko disse...

Olá meninas, na verdade não to pensando em engravidar agora, quero primero procurar algum hospital ou clinica q seja humanizada p tentar ter o proximo d PN, to pensando em ter mais p daqui 1 ano ou 2, mas como tem esses probleminhas d os medicos não fazerem PN depois de PC, eu quero pesquisar bastante, procurar me informar d todas as formas, pq eu não quero outra cesarea, apesar da felicidade enorme de ter meu filho nos braços a cesarea em sí foi muito traumatizante p mim!

Sheila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sheila disse...

oiee mamães!!!
aiai minha primeira filha eu fiz cesaria por nw ter passagem e por um pouco de medo tbm, mas depois do parto tive muita dor de cabeça, tive que voltar de novo p hospital para repor líquido na minha coluna, nossa foi horrivel, p quem nw gosta de agulha tomei tres, mas mesmo assim desta vez tbm prefiro cesaria.

Bem a minha duvida é que aqui no japao quando o 1º filho foi cesaria o 2º eles optam por uma outra cesaria de novo???

thiarlles disse...

tenho 18 anos tive meu bebe com 17 so que ela teve de nascer de oito meses pois tinha hernia diafragmatica isso acarretou problemas no coração na cabeça e sexo duvidoso assim q nasceu foi p a uti no mesmo dia so q a noite passou por uma cirurgia mas nao resistiu e veio a falecer isso tudo aconteceu em 25/07/2008 e hoje 18/05/2009 estou gravida de um mês e alguns dias se ra q essa nova criança podera ter problemas como a primeira teve ou não espero q não ,espero q vcs possam me dizer coisas boas pois sofri muito da primeira vez e não gos5taria de passas por tudo isso outra vez quero ter uma filha saudavel e perfeita conto com o conhecimento de vcs para me ajudar carinhosamente ALINE GOES

Postar um comentário

Obrigada por contribuir com seu comentário!
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
Se você tiver alguma pergunta pertinente ao tema do post é mais rápido e fácil ligar para 080-51427945(Japão).
Estamos dispostas a ajudar no que for preciso!