28 de outubro de 2008

Vanda Menegatto - Mie



Eu tive dois partos aqui no Japão.
Minha primeira gravidez me pegou de surpresa, no começo tive medo de ficar aqui, por que não conhecia quase nada por aqui, mas resolvi ficar porque não dava pra ir os dois embora, e durante o pré natal fui me sentindo mais segura.

A maior parte das informações eu pegava na Internet e com algumas amigas que já tinham tido bebes.
Na clínica o medico perguntava se tínhamos duvidas e respondia, mas a gente e que não dominava a língua japonesa, então eu recorria aos livros, revistas, Internet, amigas e família.

Minha gravidez foi tranquila, pois em partes, até gostei de estar sozinha longe de palpites... rs
No final só tinha medo de não saber a hora certa de ir para o hospital e de estar sozinha em casa, graças a Deus a bolsa rompeu num sábado a noite e meu marido estava comigo.

Na segunda gravidez também começaram as contrações numa terça a noite e meu marido estava em casa, na hora a gente sabe.
Os dois partos foram normais, na mesma clínica.

No primeiro tive episiotomia e forceps, no segundo só episiotomia.
Tenho duas amigas que tiveram seus bebes na mesma clínica e não tiveram a episiotomia e eu ficava me perguntando porque só eu tive, será porque eu não estava fazendo força na hora certa e tava gritando muito, e o medico resolveu `ajudar´???
Mas fora isso e o fato de não deixarem amamentar o bebe na hora que nasceu, do resto eu gostei do tratamento.

Tenho um casal e pretendo parar por aqui(rs), mas se ficasse grávida de novo, eu iria pensar em parto domiciliar que achei o máximo, só falta a coragem e pessoas para ajudar.

Vanda Menegatto - Mie

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por contribuir com seu comentário!
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
Se você tiver alguma pergunta pertinente ao tema do post é mais rápido e fácil ligar para 080-51427945(Japão).
Estamos dispostas a ajudar no que for preciso!